Diocese de Guarulhos

SÃO PAULO - BRASIL

“O Senhor fez em mim maravilhas.” (Lc 1,49)

Pesquisar

Festa e Solenidade de São Paulo Apóstolo

FESTA DA CONVERSÃO DE SÃO PAULO APÓSTOLO

“O amor é sempre paciente e generoso. Nunca é invejoso, não é rude nem egoísta. Não se ofende nem se ressente, mas se regozija com a verdade.” (Paulo de Tarso)

Na terça-feira (25/01), foi celebrada a Santa Missa em Louvor a São Paulo Apóstolo, presidida por Padre Marcos., que deu a benção do Santíssimo a todos os fiéis ali presentes. Apresentou o Seminarista Bruno, que estará na Paróquia por 2 anos. Agradeceu a todos que de uma forma direta ou indiretanente, colaborou com carinho para que esta novena acontece-se, desde a parte litúrgica como a parte festiva com as barracas.
 
Foram nove noites de bênçãos com as missas presididas por padres de nossa Diocese, da Diocese de Osasco e de São Paulo. Foi lindo perceber a participação dos féis cantando, agradecendo, ouvindo a Palavra de Deus e adorando a Jesus. A cada noite foram vários ensinamentos através da homilias. Que o Espírito Santo, nos ilumine a viver a Igreja Sinodal, vivendo em comunhão, participação e missão.
 
Algumas notas das principais noites da Festa:
 
5ª noite:
“Tudo me é permitido, mas nem tudo é proveitoso para mim. Tudo me é permitido, mas não me deixarei dominar por coisa alguma.” (1Cor 6,12)
Nesta 5ª noite da NOVENA em Louvor a SÃO PAULO APÓSTOLO, a comunidade reunida, acolheu com muito carinho Padre Eduardo Sobrinho da Diocese de Osasco, que celebrou a Santa Eucaristia.
 
6ª noite:
Fé, oração, reflexão e muita animação marcaram a sexta noite (21) da Novena em Louvor a São Paulo Apóstolo que acolheu, com carinho, o padre Tiago Leite da paróquia Sagrada Família, que presidiu a santa missa.
 
7ª Noite:
“Há diversidade de dons, mas um mesmo é o Espírito. Há diversidade de ministérios, mas um mesmo é o Senhor.” (1Cor. 12,4-5)
Nesta 7ª noite de festividades e oração (22), nossa paróquia acolheu, com carinho, o padre Jonas, pároco da Paróquia Santo Antonio de Vila Augusta que presidiu a Santa Missa.
 
8ª noite:
Com alegria, na oitava noite da Festa de São Paulo(23), recebemos a visita do Padre Davi Clinton, que pela segunda vez celebra conosco a Santa Eucaristia.
Agradecemos aos nossos colaboradores e organizadores por mais este dia de festa. Deus vos dê em dobro tamanha dedicação.
 
9ª noite:
“Pratique a Palavra, seja urgente tempo e a tempo, convencer, repreender e exortar, não deixe de ser paciente e de ensinar a doutrina”
Na 9ª noite de festa e oração(24), a paróquia acolheu, com muita alegria, Padre Boris, da Paróquia Imaculada Conceição do Ipiranga que presidiu a santa missa.
“Assim como Paulo, nós somos chamados pela vocação a unidade e a comunhão, movidos pela docilidade do Espírito de Deus, deixemos que Ele nos conduza a verdade e ao amor” (Padre Boris)
 
FESTA DA CONVERSÃO DE SÃO PAULO APÓSTOLO – 25/01
 
Missa da Manhã:
 
“Combatí o bom combate, terminei a corrida, guardei a fé. Agora me está reservada a coroa da justiça”
 
Com alegria, nossa paróquia recebeu, com carinho, padre Bruno Batista para a primeira missa da manhã, na Festa de São Paulo Apóstolo e ao seminarista Bruno que chega para estágio pastoral. Ao final da Santa Missa, foi dada a Unção dos Enfermos.
Dia de festa e alegria e de bolo do padroeiro.
 
Missa da Tarde:
 
“Agora, pois, permanecem estas três coisas: a fé, a esperança e o amor. Porém, a maior delas é o amor.” 1 Coríntios 13:13
 
Com alegria, nossa paróquia recebeu, na tarde de quarta-feira(25), padre Marcos que presidiu a santa missa, na Festa da Conversão de São Paulo Apóstolo com Adoração do Santíssimo Sacramento. Ao final da Santa Missa, foi ministrado a Unção dos Enfermos.
Tarde de festa e alegria e de bolo do padroeiro.
 
Missa Solene (Noite):
 
Encerrada a novena em louvor ao padroeiro São Paulo Apóstolo, na noite de terça-feira (25/01), padre Marcos Alves presidiu a Missa Solene na Festa da Conversão de São Paulo e com alegria, a paróquia acolheu o seminarista Bruno que chega para seu estágio pastoral.
Dia de festa e alegrias e de bolo do padroeiro.
 
VIVA SÃO PAULO APÓSTOLO!
 
Confira algumas fotos da festa:
Festa de São Paulo Apóstolo

Admissão às Ordens Sacras do Diaconado

Na noite de Terça-feira, dia 25/01, com as presenças de familiares, amigos, diácono e de vários padres, Dom Edmilson celebrou a Santa Missa e acolheu 04 aspirantes ao Diaconato Permanente das Foranias Bonsucesso e Fátima para serem admitidos às Ordens Sacras.
 
Fizeram o Juramento de Fidelidade manifestando publicamente a vontade de se doar a Deus e à Igreja, o primeiro grau do Sacramento da Ordem.
 
– “Bendito seja Deus que nos reuniu no amor de Cristo para celebrarmos hoje a festa da conversão do Apóstolo Paulo e também para vivermos esse momento histórico: a 1ª turma da Escola Diaconal de nossa Diocese está terminando seu itinerário. Acolhamos com alegria os dons que o Senhor derrama sobre nossa Diocese”. (Dom Edmilson)
Foram admitidos às Ordens Sacras do diaconado os candidatos: Jenivaldo Pereira de Souza, Claudinei Dias, José Augusto dos Santos e Mariovan Adolfo dos Santos.
 
 
Fotos: Nicolas Ferreira – PASCOM SANTA CRUZ
 
 
Confira algumas fotos da celebração:
 
 
ADMISSÃO ÀS ORDENS SACRAS - 25/01/2022

Abertura da Campanha da Fraternidade – Grupos de Rua

No dia 22 de Janeiro, ocorreu no CDP (Centro Diocesano de Pastoral), a primeira das aberturas diocesanas da Campanha da Fraternidade 2022.

Com o tema: Fraternidade e Educação, e lema: Fala com sabedoria, ensina com amor, trecho da campanha da fraternidade e livro dos Provérbios 31,26, a primeira abertura da Campanha foi realizada em especial para os Grupos de rua da Diocese, onde a campanha abrange maiores prioridades em seu tema para este ano.

Participaram da formação os grupos de rua das foranias e paróquias que possuem grupos de comunidades como setores e movimentos paroquiais que voltam seu olhar aos mais pobres de nossa diocese.

Juntamente com os formadores, foram lidas e apresentadas os principais pontos da campanha e algumas soluções para serem implantadas nas comunidades a partir deste ano, juntamente com a apresentação do tema e lema e explicação de cada ponte, bem como a apresentação da oração e hino da CF 2022.

A mesma formação será apresentada, agora, nas foranias, divididas em cada parte da Diocese e uma em cada dia específico.

Clique aqui e veja onde vão ocorrer as próximas formações nas foranias, e algumas curiosidades da CF 2022.

Veja algumas fotos do encontro do dia 22:

Abertura da CF2022 - Grupos de Rua

Sínodo dos Bispos 2023: Sinodalidade é comunhão, participação e missão

O questionário ao Povo de Deus da fase preparatória do Sínodo 2023 já está disponível no site da diocese e nas paróquias também já está publicado o endereço. A resposta pode ser individual, mas pode – e deve ser preferível –  ser respondido em grupos, conforme a organização nas paróquias. Por que é preferível em grupo? Porque não se trata somente de uma pesquisa, mas de um ato de escuta e abertura para o outro. Podemos dizer que é um exercício para ouvirmo-nos e escutando-nos possamos também sentir a ação do Espírito Santo.

Neste primeiro momento da fase de escuta em nossa diocese, queremos ouvir irmãs e irmãos das nossas comunidades e aqueles que se declaram católicos, mas não participam da vida da Igreja. Posteriormente ouviremos aa pessoas de outras denominações cristãs, de outras religiões e de grupos da sociedade.

Algumas pessoas podem fazer principalmente duas objeções. A primeira é que “tem coisas” que as pessoas não sabem responder, pois não sabem do que se trata. Muito interessante, pois desta maneira poderemos avaliar até que ponto a nossa organização como Igreja é perceptível e compreendida pelas pessoas que participam das nossas comunidades e pelas pessoas que se declaram católicas.

Outra objeção é aquela que as pessoas dizem não entender o porquê de até mesmo consultar as pessoas que se declaram católicas, mas não participam da comunidade, sequer comparecem às celebrações dominicais. Por detrás desta objeção pode estar um sinal de fechamento e exclusivismo. Esta é uma mentalidade que pode atravancar o deslanchar da atividade missionária da comunidade.

No ministério público de Jesus, onde Ele é protagonista absoluto, percebemos que Ele não faz acepção de pessoas. Fala a todos. Escuta a todos, mesmo que não concorde com todos. Nos seus gestos e palavras há uma opção preferencial, mas não exclusiva, para com os pobres. É somente ao demônio, pai da mentira, que Ele ordena que se cale. A multidão, composta dos mais variados tipos de pessoas, é um dos grandes interlocutores de Jesus.

Existe, sim, e é de grande importância a comunidade dos discípulos. Esta comunidade é instrumento de mediação na proclamação da Revelação de Deus com o consequente anúncio do Reino.

Nós somos a comunidade de Jesus, hoje. Não somos melhores que os outros, mas escolhidos por Ele para vivenciarmos este serviço mediador. Os discípulos de Jesus algumas vezes se achavam os melhores: afastavam as crianças, impediam o cego de gritar, disputavam para saber quem era o maior ou quem iria ocupar o lugar à direita e à esquerda no Reino etc. Passamos também pelas mesmas tentações. Talvez por isso aconteçam as objeções descritas acima…

                “se Jesus não estiver presente e outra pessoa ocupar o seu lugar, a Igreja tornar-se-á um contrato entre os apóstolos e a multidão, cujo diálogo acabará por seguir o enredo do jogo político. Sem os apóstolos (a comunidade de Jesus) autorizados por Jesus e instruídos pelo Espírito, a relação com a verdade evangélica interrompe-se e a multidão persistentemente exposta a um mito ou a uma ideologia a respeito de Jesus, quer o aceite quer o rejeite. Sem a multidão, a relação dos apóstolos com Jesus corrompe-se numa forma sectária e autorreferencial de religião e a evangelização perde a sua luz que provém da Revelação de si que Deus dirige a quem quer que seja.”  (Documento Preparatório, 20)

Então, participe. Aprendamos a caminhar juntos. Aprendamos a nos escutar. Estejamos abertos ao que o Espírito diz à Igreja.

Dom Edmilson Amador Caetano, O.Cist.

Bispo diocesano

PARTICIPE RESPONDENDO O QUESTIONÁRIO:

Campanha para a Evangelização 2021

“Ide, sem medo, para servir”

No próximo domingo, 12 de dezembro, a Igreja celebra o 3º domingo do advento, mais conhecido como o “Domingo Gaudete” ou “domingo da alegria”. Segundo a tradição litúrgica da Igreja esta celebração está relacionada a antífona de entrada que começa com o: “Alegrai-vos!”, e o texto da segunda leitura também inicia com o “Estai sempre alegres”.

E é neste mesmo fim de semana (11 e 12), que ocorre na Igreja no Brasil, a Coleta para a Evangelização – gesto concreto da Campanha para a Evangelização que a Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) realiza desde 1998 com o objetivo de despertar novos discípulos missionários para a evangelização. A campanha foi criada em 1997, durante a 35ª Assembleia Geral da CNBB.

“Um modo de motivar a participação de todos os cristãos católicos é dar visibilidade as ações pastorais de cada Igreja particular, como por exemplo: ações do plano de pastoral, ação solidária emergencial, trabalhos das diversas pastorais. Em âmbito nacional a divulgação de todas atividades das Comissões Episcopais Pastorais e ações dos setores da CNBB como, por exemplo, a comunicação e o Centro de Documentação e Informação (CDI)”, destaca o secretário-executivo de Campanhas da CNBB e subsecretário-geral adjunto interino, padre Patriky Samuel Batista.

Com os recursos arrecadados com a Campanha para a Evangelização, a Igreja no Brasil garante a continuidade do trabalho de anúncio e testemunho do Evangelho desde as áreas missionárias até às periferias das grandes cidades, passando pelas ações pastorais e pela articulação das comunidades eclesiais missionárias.

Do total arrecadado, 45% permanecem na própria diocese, 20% são destinados aos 19 regionais da Conferência – que desenvolvem nas bases as atividades evangelizadoras, programadas a partir das Diretrizes Gerais da Ação Evangelizadora da Igreja no Brasil (2019-2023) e 35% são destinados à CNBB, que são utilizados para a manutenção da sede da entidade em Brasília (DF) e também são distribuídos para as 12 Comissões Episcopais Pastorais.

Este ano, o tema da Campanha da Evangelização é: “Ide, sem medo, para servir”. Uma expressão do Papa Francisco em sua homilia de encerramento na Jornada Mundial da Juventude, em 2013, no Brasil.

Fonte: CNBB

Abertura do Ano Diocesano da Família

No dia da padroeira de Nossa cidade, do seminário e da nossa catedral, 08 de Dezembro, Dom Edmilson presidiu a santa missa, concelebrada pelos padres de nossa diocese, deu-se o  encerramento do Ano de São José e a Abertura do Ano Diocesano da Família.

A pastoral Familiar Diocesana e o povo devoto da Imaculada Conceição, estiveram presentes nesta festa em homenagem a nossa padroeira.

Confira algumas fotos da celebração:

Missa de Abertura do Ano Diocesano da Família

Missa em intenção pela Cidade de Guarulhos

Missa em intenção pela cidade de Guarulhos, presidida por Dom Edmilson Amador Caetano, concelebrada pelo Pe. Antonio Bosco, pároco da catedral, presença do prefeito Guti e demais autoridades. Dom Edmilson em sua homilia ao falar do brasão imperial que há  na catedral, lembrou a todos que o poder, as coisas passam , só Jesus permanece, Ele que é o mesmo ontem, hoje e sempre! Ao final da missa o prefeito Guti proferiu uma palavras e em seguida Dom Edmilson abençoou o bolo de aniversário da cidade
 
Confira algumas fotos da celebração:
 
Missa em intenção pela cidade de Guarulhos

Imagem peregrina da Imaculada Conceição chega ao seu destino final – Catedral

No Domingo, 05 de Dezembro a Imagem peregrina completou seu ciclo de visitas nas paróquias da Diocese e chegou, enfim, à Catedral Nossa Senhora da Conceição.

Depois de fazer sua peregrinação por todas as paróquias da Diocese a Imagem, que percorreu todas as foranias diocesanas em louvor ao jubileu de 40 anos da Diocese, enfim, chegou à seu destino final, a Catedral Nossa Senhora da Conceição.

Trazida em carreata e com muita festa, a imagem foi levada da paróquia Santo Antônio Maria Claret, com seu pároco, Pe. Fabío Lima à frente, até a Catedral, onde foi recebida por membros de pastorais da paróquia juntamente com o Padre Antônio Bosco, que acolheram a imagem, a colocaram em local especial e ainda realizaram a novena em honra à Imaculada, que terá seu dia comemorado no aniversário da cidade, 08 de Dezembro.

Parabéns à todas as paróquias e foranias pela recepção de cada uma, tratando com importância a peregrinação da Imagem que fez tornar possível a festa dos 40 anos da Diocese.

Rumo aos 50 anos!!!

Confira algumas fotos da chegada da imagem à Catedral:

Imagem Peregrina - Catedral

Ordenação Presbiteral – Bruno Batista e Davi Clinton

No Sábado, 04 de Novembro, ocorreu mais uma Ordenação Presbiteral em nossa Diocese, na ocasião, os então Diáconos, Bruno Batista e Davi Clinton, que receberam a ordem do diaconato no mês de Junho deste ano, receberam a confirmação de suas ordens de Neo-Sacerdotes de nossa Diocese.

A celebração aconteceu no Santuário São Judas Tadeu, no bairro de Torres Tibagy, e contou com grande participação de parentes e amigos convidados pelos néo-sacerdotes, religiosos e o clero todo reunido, juntamente com o Bispo, Dom Edmilson, no qual ressaltou mais um feito realizado nos 40 anos da Diocese, feito este que ficará marcado por conta de ser exatamente o ano Jubilar Diocesano.

“Damos graças a Deus por mais esta realização em nossa Diocese, que em meio a todo caos da pandemia, que nos assusta novamente com esta nova variante, mas vemos o povo de Deus reunido para celebrar a vitória de Cristo, representada pelos novos Padres, Bruno e Davi, que agora se tornam parte viva de nossa Igreja. Alegremos e tenhamos fé, que tudo que fazemos por Jesus é olhado por Ele, e sabe cada sentimento que temos no coração.” – disse Dom Edmilson em sua homilia.

Por fim e com muita emoção foram ordenados, com a bênção de seus familiares, Padre Bruno Batista e Padre Davi Clinton, os quais agradeceram a todos que ajudaram na perseverança deles para que chegassem até aqui.

Padre Bruno foi enviado a realizar seu início de sacerdócio ajudando na Paróquia-Santuário Nossa Senhora do Bonsucesso, ajudando ao Padre Carlos na comunidade. Já o Padre Davi Clinton, irá exercer seu início sacerdócio na Paróquia São Vicente de Paulo, no Soberana, onde ajudará o Pe. Marcelo Corin na comunidade.

Confira algumas fotos da Ordenação:

Ordenação Presbiteral - Bruno Batista e Davi Clinton

Lançamento do Hinário Litúrgico LOUVAI!

No dia 23 de Novembro, ocorreu no Centro Diocesano de Pastoral (CDP) o lançamento da nova edição do Hinário Litúrgico de Música da Diocese de Guarulhos, o Louvai!

Com grande festa e grande participação de membros das paróquias da Diocese, coordenadores de música, CPP e representantes religiosos, bem como, a presença de vários padres do Clero de Guarulhos, todos estiveram reunidos para este acontecimento tão aguardado por muitos nos últimos anos, e mais um dos acontecimentos marcantes no Jubileu dos 40 anos de nossa Diocese.

Depois de grande estudo, a idealizadora do hinário litúrgico, Caetana Cecília, juntamente com o Pe. Jair, apresentaram seus fundamentos e a nova versão do livro, que já está em sua 5ª edição, coma mais cantos inseridos e adaptações feitas através das ordens do vaticano para seguir o diretório litúrgico oficial das Missas, portanto com algumas palavras e e canções modificadas em seu contexto para ser ajustado de acordo com o que a Igreja de Jesus Cristo pede ao povo, que andemos juntos em uma única comunhão.

“Foi um grande estudo que eu (Caetana) e o Pe. Jair, fizemos na Pós-Graduação e na escola de Música da UFMG e através deste estudo conseguimos concluir tanto o hinário litúrgico, o Louvai e o novo guia dos coordenadores, que tira as dúvidas e esclarece o porque das adaptações e modificações de algumas músicas e melodias ajustadas. Mas com muito orgulho conseguimos, e ainda teremos mais coisas boas pela frente.” disse Caetana.

Dom Edmilson ressaltou a importância do Louvai para a Diocese e agradeceu aos idealizadores do projeto para que a Igreja seja uma só em cristo, e sempre falemos a mesma linguagem sugerida pela Igreja.

Além do hinário Litúrgico, foi lançado juntamente, um guia para  coordenadores, onde se encontra todas as adaptações e dúvidas sobre as mudanças de alguns cantos e ajustes, e, ainda será lançado no ano que vêm o livro de partitura com todos os cantos que se encontra na fase de correções, e mais a frente, o projeto de um novo aplicativo do Louvai, aguardem…

Após o dia de lançamento, foram realizados mais três dias seguidos de ensaios, com algumas músicas e curiosidades sobre alguns cantos, mas estes ensaios todos voltados para o Advento, onde se corre o tempo em que estamos vivenciando no momento.

Confira algumas fotos do Lançamento:

Lançamento do Louvai 2021