Diocese de Guarulhos

SÃO PAULO - BRASIL

“O Senhor fez em mim maravilhas.” (Lc 1,49)

“O Senhor fez em nós maravilhas” (Lc 1,49)

Amados, celebramos neste mês as maravilhas que o Senhor tem realizado em nossa Diocese de Guarulhos com a XI Assembleia Diocesana. No dia 12 de março teremos a reunião dos delegados das paróquias, pastorais diocesanas, movimentos pastorais, comunidades de vida, padres e seminaristas. Presidida pelo nosso Bispo Dom Edmilson, nossa Igreja dá mais um passo de comunhão e crescimento na missão de anunciar o Evangelho. Conto com a oração de todos para esse momento ímpar.

Como enfoque pastoral, neste mês temos a Campanha da Fraternidade com o tema “Fraternidade e Educação” e o lema “Fala com sabedoria, ensina com amor” (Pr 31,26). Seu início se dá na abertura da Quaresma, dia 2 de março, na Quarta-Feira de Cinzas. Em 2022, pela terceira vez, a Igreja no Brasil vai aprofundar o tema da educação em uma Campanha da Fraternidade, tema este, também aprofundado nas Campanhas dos anos de 1982 e 1998.  Desde 1964, a Igreja no Brasil promove a Campanha da Fraternidade como um dos modos de viver a espiritualidade quaresmal. “Uma Campanha que contribui para uma mudança de vida profunda que nos leva, não somente a pedir a Deus perdão por nossos pecados, mas a unir forças na construção de uma sociedade que corresponda à mensagem do Evangelho” (CNBB).

Em nossas foranias aconteceram encontros de formação e preparação para Campanha da Fraternidade. Os grupos de rua de nossas paroquias já se preparam para iniciar os encontros. Junto a Campanha, neste mês que iniciamos o tempo Quaresmal temos entre as iniciativas de aprofundamento deste tempo: as missas penitenciais que acontecerão nas madrugadas em muitas de nossas paróquias.

Por último, lembro a todos a importância de responder individual ou em grupos o questionário do Sínodo dos Bispos de 2023. Eles são encontrados no Site de nossa diocese. Além do questionário voltado para os membros da Igreja, temos ainda o questionário para a sociedade. Peço que todos se empenhem para respondê-lo e levá-lo as pessoas que não participam de nossa Igreja.

Roguemos a Virgem Maria por sua intercessão junto ao seu Amado Filho, Jesus, para que os diversos trabalhos pastorais, que aos poucos vem sendo retomados, sejam frutuosos. Bendito seja Deus!

 

Pe. Marcelo Dias Soares – Coordenador Diocesano de Pastoral

OUTRAS NOTÍCIAS