Diocese de Guarulhos

SÃO PAULO - BRASIL

“O Senhor fez em mim maravilhas.” (Lc 1,49)

Pesquisar

Criação da Área Pastoral São Judas Tadeu – Vila Rio de Janeiro

Aconteceu no último dia 22 de outubro, a Criação da Área Pastoral São Judas Tadeu – Vila Rio de Janeiro, com a Santa Missa presidida por Dom Edmilson, dentro da Novena do Padroeiro.

A nova Área Pastoral está composta pela sua Matriz São Judas Tadeu, Comunidade Nossa Senhora Aparecida (Jd. Crepúsculo) e Núcleo Celebrativo Santo Expedito.

O Padre Ricardo Monteiro foi provisionado como responsável pela Área Pastoral São Judas Tadeu, sendo o mesmo vigário paroquial da Paróquia Santa Mena.

Confira o Decreto Oficial da Diocese sobre a criação da Área Pastoral:

 

Decreto MDG 343 – 22/10/2023

 

DOM EDMILSON AMADOR CAETANO. O. Cist.

Por mercê de Deus e da Santa Sé Apostólica Bispo de Guarulhos

Aos que este Decreto virem, Saudação, Paz e Benção no Senhor

 

DECRETO DE CRIAÇÃO DA

ÁREA PASTORAL SÃO JUDAS TADEU – Vila Rio de Janeiro

 

No exercício de nosso múnus episcopal, após ouvir o parecer do pároco da paróquia Santa Mena – Jardim Santa Mena, tendo consultado o Colégio de Consultores e o Conselho de Presbíteros, em vista do bem espiritual do Povo de Deus, presente na Paróquia Santa Mena, por este Ato Criamos a Área Pastoral “São Judas Tadeu – Vila Rio de Janeiro”, que compreenderá: a Comunidade São Judas Tadeu (Av. Salgado Filho, 2910 – Vila Rio de Janeiro), Igreja Matriz da Área Pastoral, Comunidade Santo Expedito (Av. Salgado Filho, S/N – Vila Rio de Janeiro) e Comunidade Nossa Senhora Aparecida (Rua do Povo, 179 – Jardim Crepúsculo).

Tendo a seguinte divisa Pastoral com a Paróquia Santa Mena: Do encontro com a Av. Paulo Faccini com a Av. Papa João XXIII, seguindo pela Av. Paulo Faccini a Av. Salgado Filho e na altura do Córrego dos Cubas pela Av. Bartolomeu de Carlos até a altura da Av. André Luiz.

A Área São Judas Tadeu terá autonomia pastoral e será conduzida por um presbítero nomeado para a função; todavia os registros dos sacramentos, bem como a contabilidade dependerão da Paróquia Santa Mena, assim aos cuidados do Pároco da referida Paróquia.

Este ato seja lido aos fiéis e transcrito no livro tombo da paróquia Santa Mena.

Dado e passado nesta Cúria Diocesana de Guarulhos, aos vinte e dois dias do mês de outubro de dois mil e vinte e três, 29º Domingo do Tempo Comum e 9º do nosso episcopado.

 

Dom Edmilson Amador Caetano, O. Cist.

Bispo Diocesano de Guarulhos

 

Pe. Weber Galvani Pereira

Chanceler do Bispado

Criação da Área Pastoral São Judas Tadeu - Vila Rio

NOTÍCIAS E ARTIGOS

Ataque às escolas no Brasil

A tecnologia une iguais, para o bem ou para o mal É difícil colocar-se no lugar da professora de 71 anos, morta por um adolescente