Diocese de Guarulhos

SÃO PAULO - BRASIL

“O Senhor fez em mim maravilhas.” (Lc 1,49)

Testemunhos Missionários da Diocese de Guarulhos

Queridos irmãos e irmãs, missionários e missionárias, “sereis minhas testemunhas”, esse é o convite do mês das missões 2022, com base no texto bíblico de Atos dos Apóstolos. É fundamental recordar que todos que receberam o batismo são convidados ao compromisso missionário como Igreja nas diversas realidades do mundo, pois a Igreja é missão. O principal objetivo da Folha Diocesana é manifestar em cada edição as ações evangelizadoras da Igreja como estado permanente de missão através da comunicação. Nesta edição de modo especial destacamos a mensagem do Papa Francisco para o Dia Mundial das Missões que se detém em três expressões-chave que resumem os três fundamentos da vida missionária dos discípulos: “Sereis minhas testemunhas”; “até os confins do mundo”; e “recebereis a força do Espírito Santo”. O ano jubilar missionário e a motivação para a Coleta Missionária como força do projeto de Igrejas irmãs como sinal da manifestação de unidade da Igreja e testemunho da prática do bem comum. A diversidade e riqueza missionária é notável nesta edição que você lê, curte e compartilha, vejamos alguns destaques:

A realização dos Conselhos Pastorais nas Foranias conduzida pelo bispo para ouvir as comunidades e refletir sobre o resultado da Assembleia Diocesana.  A visita Ad Limina dos bispos do regional Sul 1 ao Papa Francisco que demonstra através dos registros fotográfico e artigos, a força de uma Igreja simples e acolhedora capaz de revigorar a missão episcopal, mesmo diante dos enormes desafios presentes em cada realidade arquidiocesana e diocesana. A proximidade, simplicidade e acolhida do Papa Francisco, marca o encontro com os bispos e renova o convite para que sejam “evangelizadores que contraem o cheiro de ovelha e estas escutem sua voz”.

Um outro ato de alegria missionária foi a cerimônia de mais sete ordenações de diáconos permanentes que unidos aos já ordenados, marca a história da Diocese de Guarulhos e a força da Igreja povo de Deus, unida na diversidade dos ministérios, assim denominada no Concílio Vaticano II: “Para apascentar e aumentar sempre o povo de Deus, Cristo Senhor instituiu na sua Igreja vários ministérios, que tendem ao bem de todo o Corpo.” ( LG 273) Essa dimensão foi ressaltada com ênfase, como um desabafo, por Dom Edmilson Amador Caetano logo após a saudação inicial, como resposta as críticas negativas de alguns, em relação a necessidade da ordenação diaconal permanente. Que o clero, comunidades, pastorais, movimentos e organismos, acolham com humildade os diáconos permanentes, as esposas e familiares e valorizem esse dom para fortalecer a ação evangelizadora no mundo.

A evangelização da juventude também é destaque através da realização do Viva-a-Vida com excelente organização e participação. Enfim, desejo a todos que o mês missionário revigore o ânimo missionário e que juntos possamos alcançar o que rezamos na Oração do Criador escrita na carta encíclica Fratelli Tutti

“…infundi nos nossos corações um espírito de irmãos. Inspirai-nos o sonho de um novo encontro, de diálogo, de justiça e de paz. Estimulai-nos o sonho de um novo encontro, de diálogo, de justiça e de paz. Estimulai-nos a criar sociedades mais sadias e um mundo mais digno, sem fome, sem pobreza, sem violência, sem guerras. Que o nosso coração se abra a todos os povos e nações da terra, para reconhecer o bem e a beleza que semeastes em cada um deles, para estabelecer laços de unidade, de projetos comuns, de esperanças compartilhadas.”

 

Pe. Marcos Vinicius ClementinoJornalista e Diretor Geral

NOTÍCIAS DIOCESANAS