Diocese de Guarulhos

SÃO PAULO - BRASIL

“O Senhor fez em mim maravilhas.” (Lc 1,49)

“Movimento Mães que Oram pelos Filhos”

O movimento Mães que Oram pelos Filhos, surgiu com o seu primeiro grupo na Paróquia São Camilo de Léllis localizada em Mata da Praia – Vitória/ES. O grupo era formado por vinte jovens mães, vindas de famílias católicas, sem experiência oracional, porém com uma imensa vontade de interceder pelos seus filhos. O despertar para Jesus era o que as movia, para que saíssem de suas casas e se reunissem na Santa Igreja, e assim, interceder e orar, mesmo sem ainda compreender a vocação espiritual de uma mãe, no interior de cada coração já existia uma sede de Deus. Era o início de uma linda caminhada na fé.

O grupo foi fundado em 2011 e passou a ser reconhecido pela Arquidiocese de Vitória (ES), como “Movimento Mães que Oram pelos Filhos”, tendo como fundadora Ângela Abdo, e hoje tem como Diretor espiritual o Padre Hadeleon Santana, sendo sua padroeira – Nossa Senhora de La Salette e co-padroeira Santa Mônica.

O Movimento Mães que Oram pelos Filhos tem cumprido sua missão de capacitar um exército materno para promover a atividade apostólica e se colocar em batalha espiritual para a salvação e restauração das famílias. Com isso, tem atingido seus objetivos de interceder em favor dos filhos e formar mães para serem intercessoras, as quais estarão a serviço, segundo o coração de Deus, para salvar as almas dos seus filhos e os do mundo inteiro.

A pedagogia de Deus de trazer as mães para rezarem para os seus filhos, teve como primeiro fruto a própria mãe. Nessa busca materna a mãe foi a primeira a ser evangelizada e restaurada. Depois passaram a anunciar a Boa Nova no seu lar e com isso, os maridos e filhos voltaram para a igreja. Essas famílias, para viverem de acordo com a doutrina cristã, colocam os filhos na catequese e os pais buscam o batismo, a eucaristia, a crisma, o matrimônio, porque muitos não tiveram acesso a esse conhecimento e alguns viviam sem desfrutar dos bens espirituais da igreja (com os sacramentos da iniciação cristã, por vezes apenas vivendo junto, buscam o matrimônio ou ainda em uma segunda união, buscando a nulidade do matrimonio anterior e assim regularizar suas situações de acordo com a Santa Igreja). Por fim, ao vivenciarem a Igreja, descobrem as bênçãos de Deus, a participar das ações apostólicas e levam a outras pessoas do seu círculo social e profissional o seu testemunho.

Inicialmente o objetivo era voltado para as necessidades próprias das mães. Ao longo do tempo, o movimento avança pelas mídias sociais e alcança pessoas de fora e não somente com obras espirituais, pois surgem necessidades materiais de ajudar a igreja e instituições em obras de caridade. Por isso foi criada a “Associação de Mães que Oram pelos Filhos – AMO”, pessoa jurídica de direito privado, constituída na forma de sociedade civil sem fins lucrativos, com autonomia administrativa e financeira, regida por um estatuto próprio.

O “Movimento Mães que Oram pelos Filhos” em nossa Diocese:

Teve início em 2018 na Paróquia Santa Luzia – Parque Alvorada que se reúne às quartas-feiras às 19h30;

Seguindo com a criação dos demais grupos, hoje temos também os grupos do movimento nas seguintes paróquias:

Paróquia Santa Mena na Comunidade São Judas Tadeu. Se reúnem às quartas às 20h;

A Paróquia Nossa Senhora de Fátima.Jd Tranquilidade se reúnem às terças às 18h;

A Paróquia São Judas Tadeu Comunidade Nossa Senhora Aparecida Jd. Alice; e

Em breve teremos na Paróquia Santa Cruz Jd. presidente Dutra (está em fase de formação do grupo).

Temos percebido o entusiasmo e o desejo de muitas mães pelo Movimento em nossa diocese, que tem ajudado muitas famílias através do poder da oração. Também com os momentos formativos, o movimento é muito rico em formações, esperamos poder divulgar ainda mais, para que as demais paróquias de nossa diocese experimentem também esse carisma, “Restaurar famílias com o poder da oração de intercessão.”

No último final de semana do mês de abril tivemos o oitavo Encontro Nacional e o primeiro Internacional do Movimento na Canção Nova, este ano com o tema: Convertei-vos e Crede no Evangelho, sendo iniciado com este encontro, o ano da Penitência, onde nos momentos formativos dos grupos estaremos avançando no Caminho da Santidade, e nossa diocese esteve presente com a participação de algumas mães.

Você Mãe grande intercessora do seu lar, venha unir-se a nesse grande exército de “Mães que Oram pelos Filhos”.

“Quero de joelhos ver meus filhos de pé, Deus me sustenta e aumenta a minha fé.”

“Deus mantenha meus filhos de pé.”

 

Priscila Mendonça, da Paróquia Santa Mena Comunidade São Judas Tadeu.

Coordenadora Diocesana do Movimento Mães que Oram pelos Filhos.

11-94039-3828

 

Fotos do VIII Encontro Nacional e I Internacional do Movimento na Canção Nova nos dias 30/04 e 01/05:

OUTRAS NOTÍCIAS