Conselho de Economia

Em cada diocese seja constituído o conselho econômico, que é presidido pelo próprio Bispo diocesano ou por um seu delegado  e consta de ao menos três fiéis nomeados pelo Bispo, realmente peritos em economia e direito civil e distintos pela integridade. CIC (Cân. 492 – § 1)

Os membros do conselho econômico sejam nomeados por um qüinqüênio, mas, passado esse tempo, podem ser assumidos para outros qüinqüênios. CIC (Cân. 492 – § 2)

São excluídos do conselho econômico os parentes do Bispo até o quarto grau de consangüinidade ou de afinidade. CIC (Cân. 492 – § 3)

Em cada diocese, seja noemado pelo Bispo, ouvidos o colégio dos consultores e o conselho econômico que seja realmente perito em economia e insigne por sua probidade. CIC (Cân. 494 – § 1)


Membros do Conselho Diocesano de Economia:

Pe. Pedro Paulo de Jesus

Adv. João Carlos Biagini

Adv. Regina M. B. Biagini

Adv. Roberto Victalino de B. Filho

Cont. Osmar Braga do Carmo