Carta de Dom Edmilson sobre a campanha de ajuda aos comissionados demitidos pela prefeitura sem pagamento das verbas rescisórias

Guarulhos, 27\28 de maio de 2017.

Solenidade da Ascensão de Nosso Senhor

 

Caríssimos irmãos e irmãs no Senhor das paróquias e comunidades da diocese de Guarulhos

Paz!

Dias atrás recebi a visita da coordenação dos ex comissionados da Prefeitura de Guarulhos, dispensados no início de janeiro deste ano. O fato deles terem sido dispensados do emprego faz parte do ordinário da administração pública e não nos deve causar espanto. Entretanto, a situação  que relataram de NÃO TEREM RECEBIDO AS VERBAS RESCISÓRIAS e ainda MANTEREM VÍNCULO DE TRABALHO com a Prefeitura, isso sim é preocupante, pois sequer podem arrumar emprego formal. Muitos deles estão passando necessidades do básico, como alimentação.

Não estou me dirigindo a vocês para realizarmos uma manifestação pública diante desta situação. Aliás, não cabe a mim julgar questões judiciais e nem tenho competência para isso. As questões judiciais, espero, estão sendo encaminhadas.  Muito menos tratar  aqui de assuntos de política partidária.

Dirijo-me a cada um de vocês, neste dia solene que celebramos a partida de Jesus glorioso ao céu, garantia da nossa vitória, para que o gesto de amor de Jesus, produza amor em nós. Como disse,  muitos destes nossos concidadãos estão padecendo de necessidades básicas, como a alimentação. Peço, então, que façamos uma ação humanitária por eles: NO PRÓXIMO FINAL DE SEMANA 03-04 DE JUNHO, SOLENIDADE DE PENTECOSTES, VAMOS FAZER EM NOSSAS CELEBRAÇÕES A CAMPANHA DO QUILO EM PROL DOS EX COMISSIONADOS DA PREFEITURA DE GUARULHOS. CADA PESSOA TRAGA UM QUILO DE ALIMENTO NÃO PERECÍVEL.

Os alimentos coletados nas paróquias e comunidades serão enviados para a Cáritas Diocesana, que juntamente com a coordenação dos ex comissionados irão organizar a distribuição aos que estão passando por necessidades.

Que o nosso gesto de solidariedade, ainda que não resolva a situação, mostre a obra que o amor de Jesus realiza em nós e que “a plenitude da lei é o amor” (Rm 13,10).

Saúdo a todos no Cristo, e imploro por todos as bênçãos de Deus.

 

+Edmilson Amador Caetano, O.Cist.

Bispo diocesano

Compartilhe:
Facebook
TWITTER
YOUTUBE
Instagram

Comments are closed.